Mais ferramentas avançadas para EAD no Moodle 2.0

Estou acompanhando com muita expectativa o desenvolvimento do Moodle 2.0, sendo essa uma das maiores atualizações em termos de ferramentas para gestão de cursos. Dentre essas novidades, algumas são relacionadas com atividades e novos módulos, como a possibilidade de usar os blogs internos como tarefas para os alunos. Com isso o professor poderá orientar os seus alunos a publicar um texto, em que o mesmo ganhará uma nota pela publicação. Ainda não conheço outro sistema LMS que consiga fazer esse tipo de união, entre ferramentas da web 2.0 e sistemas voltados a educação.

Agora, o que mais está me chamando a atenção mesmo é a gestão de conteúdo, com a possibilidade de usar uma sistema robusto de gerenciamento de conteúdos chamado Alfresco. Ele também é de código aberto e pelo que pude perceber, com o seu uso, instituições de ensino que tem várias turmas e conteúdos em diferentes disciplinas no Moodle vão se beneficiar em muito da integração.

Quer ver um exemplo? Hoje mesmo existem algumas universidades que usam os dois sistemas integrados, mediante uma pequena alteração em ambos. Como a Universidade de Athabasca, que inclusive fez uma pequena apresentação sobre a utilidade e métodos para fazer ambos os sistemas funcionar.

Esse é o vídeo que explica a união do Alfresco com o Moodle:

Não entendeu?

Em poucas palavras, o que está acontecendo ali é o seguinte:

1.    Você cria o conteúdo voltado para o moodle, com o uso de qualquer ferramenta da internet.
2.    Depois que o conteúdo estiver pronto, o Alfresco “envia” esse conteúdo para o Moodle, mediante um servidor intermediário.
3.    O moodle recebe o conteúdo, em formato de texto ou arquivos para as pastas dos próprios cursos.

Só isso? Não, a vantagem aqui é o gerenciamento. As alterações e modificações no conteúdo podem ser feitas sem a necessidade do Moodle, até mesmo a replicação dos conteúdos pode ser feita em várias disciplinas ao mesmo tempo. Pelo menos é isso que se espera de um gerenciador de conteúdos.

Ainda não tive oportunidade de usar o Alfresco, mas com essa notícia e a integração com o Moodle, vou começar a fazer os devidos testes imediatamente!

Visite o web site do Alfresco para saber mais sobre o sistema.

Leave a Reply