Aspectos técnicos na escolha de um LMS

Acredito que muitas pessoas que trabalham com educação e tecnologia, passam em algum momento pela fase de escolha de um sistema LMS para a sua respectiva instituição de ensino. Bem, na maioria dos casos ao analisar esse tipo de sistema, as pessoas acabam levando em consideração apenas os aspectos pedagógicos do sistema na escolha. Elas se perguntam como os alunos podem aprender nele, quais as atividades disponíveis e os níveis de interação que ele permite entre os participantes. Mas, existe um parâmetro ainda mais importante que não pode ser ignorado de maneira nenhuma; os relatórios.

Final Site Planning Report - Soil Property Data Table I of Proposed Development Site

Imagine a seguinte situação, você faz o planejamento das suas aulas a distância e consegue que os alunos interajam de maneira satisfatória, conversando em vários fóruns e realizando trabalhos em equipe. Mas, no final é necessário atribuir uma nota a essa participação, e ninguém havia pensado nisso. Como fazer?

Nessa situação, o que acaba acontecendo é que as pessoas responsáveis pelo sistema acabam tendo que fazer o fechamento das notas de maneira manual, em planilhas eletrônicas. O que vai totalmente de encontro a automação e velocidade prometidas pela tecnologia educacional.

O problema está nos sistemas LMS que acabam não se adaptando ao modo de avaliação de cada instituição de ensino. Isso é fato, cada instituição de ensino quer ter liberdade de escolher os seus critérios de avaliação e participação. Ninguém quer ter que mudar a sua maneira de trabalhar, apenas pelo fato do sistema adotado para apoio as aulas, não suportar essa metodologia.

Nunca escondi de ninguém, inclusive nos artigos aqui do Blog que sou favorável a adoção do Moodle como sistema LMS. Sua natureza aberta, que permite a instituição de ensino personalizar toda a sua estrutura, de maneira fácil é perfeita nessas situações.

Se você usar o Moodle e a sua instituição não gostar dos seus relatórios, o procedimento é muito simples para a adaptação.

Agora você já sabe, quando for escolher um sistema LMS, faça testes e mais testes com o sistema de relatórios. Verifique se ele é flexível o bastante para se adaptar aos critérios de avaliação da sua instituição.

Leave a Reply