Estratégias para implementar ensino baseado na resolução de problemas

Como fazer aulas a distância de maneira eficiente? Qual o segredo de uma boa experiência online? Sempre que um professor me pergunta isso, minha resposta é sempre a mesma; para começar sem medo, as suas aulas devem ser baseadas na resolução de problemas. Conheço várias empresas que fazem treinamentos voltados para ferramentas, como o próprio Moodle, vendendo a idéia que saber usar um LMS é fazer EAD. Quando na verdade a grande sacada de tudo, está na utilização correta do ambiente virtual assíncrono, como ferramenta para o aluno pesquisar, aprender e adquirir experiência na resolução de problemas.

No ensino presencial, os alunos tendem a desenvolver uma relação de dependência com os professores. Quando eles têm a disposição um profissional formado, com experiência na sua frente, eles se sentem desestimulados a pesquisar e encontrar as respostas por conta própria. Isso forma profissionais com graves deficiências no âmbito profissional, contando para uma péssima avaliação da sua instituição de ensino.

Problems are Opportunities

Como funciona esse tipo de ensino? O que é necessário para implementação?

Antes de mais nada, você deve se preparar para colocar o seu lado escritor em prática. Com esse tipo de ensino, a palavra de ordem é contextualizar. Para isso será necessário explicar muitas situações reais. Então, aqui vai um pequeno roteiro para implantação de uma aula:

  1. Indique material de leitura, para que os alunos possam entender a parte teórica do assunto. Se você estiver usando ambientes eletrônicos como à internet, será ainda mais fácil. Apenas indique os links de artigos já existentes.
  2. Contextualize a aplicação da teoria, em situações reais de trabalho. Use o máximo de contextualização possível para que o aluno possa perceber a importância do assunto. Isso pode até ser a base para o início de uma saudável discussão com os alunos, sobre a visão deles sobre a situação.
  3. Agora vem a parte divertida! Conte uma história, baseada no conteúdo apresentado. Explique ao máximo e deixe claro que o a pessoa envolvida tem um perfil muito próximo dos alunos. Por exemplo, se eles são estudantes de administração de empresas, conte a história de um administrador.
  4. Coloque sempre esse personagem em situações em que ele precisa tomar decisões, ou escolher pontos de vista. Ele precisa resolver um problema.
  5. Dê um prazo fixo para que os alunos possam pesquisar sobre o problema apresentado.
  6. Cobre e discuta com eles a resolução do problema.

Claro que essa é uma estratégia resumida e genérica, que pode ser alterada em função principalmente do assunto abordado. Diferentes assuntos exigem estratégias diferentes, por exigir mais ou menos detalhes na contextualização.

Espero que esse pequeno resumo tenha ajudado a ter uma idéia sobre como funciona essa metodologia. Usando esse método como base, podemos começar a implementar os frutos da aula em sistemas LMS com fóruns, textos e links. Mas isso é assunto para outro artigo!

Leave a Reply