Credibilidade de cursos à distância

Estava conversando com alguns alunos essa semana, quando os mesmos me relataram algo interessante. Aquele comercial de uma rede de EAD, que está sendo vinculado na mídia, mostrando uma aluna que escreveu até um livro, graças ao curso que ela tinha feito a distância, está sendo criticado por algumas pessoas. O motivo? As pessoas ainda têm a falsa impressão que um curso a distância é ineficiente. Então se perguntam; como uma pessoa pode adquirir o conhecimento necessário, para escrever um livro, em um curso a distância?

Esse é um estigma que ainda temos que enfrentar. Até aquela piadinha pejorativa, que algumas pessoas soltam para questionar se um treinamento ou estudo não foi bem realizado; fez o curso por correspondência?

Isso está na nossa cultura, apenas com o tempo é que as estruturas dos cursos e a inserção de profissionais qualificados no mercado de trabalho, oriundos de cursos à distância podem minimizar essa impressão. Mesmo assim, acho importante passar para as pessoas que essa é a impressão errada, a realidade é até contrária. Alunos de cursos à distância tendem a ser até mais eficientes que os dos cursos presenciais.

Estudando…

Os alunos de cursos presenciais têm um péssimo hábito, depositar toda a responsabilidade do aprendizado no professor. Existe certa inércia entre os alunos e o conteúdo, sem um empurrão do professor, nada acontece. Essa cultura assistencialista acaba formando pessoas dependentes e incapazes de resolver problemas, tomar decisões e inovar. Isso é refletido no mercado de trabalho.

Existem até casos de professores, que precisam ajudar os alunos, mesmo depois que esses estão formados. A dependência acaba transcendendo a sala de aula.

Os alunos de cursos a distância já são diferentes, como a presença física do professor não se faz presente e as técnicas e metodologias de ensino, acabam levando a um aprendizado centrado no aluno, esse tipo de comportamento é diferente. Os alunos acabam sendo mais independentes e disciplinados.

Claro que existem bons alunos e péssimos alunos em todos os ambientes, seria utopia acreditar que apenas a metodologia iria mudar todas as pessoas envolvidas. Mas de maneira geral, essa independência é estimulada.

Então lembre, é errado criticar a metodologia dos cursos à distância, assim como os alunos que apostam nela e tiram proveito de um ambiente altamente estruturado e eficiente. Um aluno de um curso a distância pode sim, escrever um livro, fazer um mestrado ou doutorado sem nenhum tipo de restrição. Tudo vai depender da sua vontade e dedicação, afinal todos nos somos capazes de feitos notáveis! Só é preciso vontade de fazer acontecer.

One Response to “Credibilidade de cursos à distância”

  1. Gostaria de saber se existe resistencia das empresas em contratar quem faz esse tipo de faculdade, ou se essa resistencia é equilibrada, ou seja eu posso conseguir um emprego como qualquer outro universitário?

    obrigada Deise.. estudante de Pedagogia UniAraras

Leave a Reply