TechSmith Jing

Hoje recebi um e-mail da TechSmith informando sobre o lançamento de um novo projeto chamado Jing. Mas o que seria esse Projeto Jing? Para quem não sabe, a TechSmith é a desenvolvedora do Camtasia e do Snagit, duas das melhores ferramentas para captura de telas e gravação de vídeo aulas. Segundo o blog da TechSmith, o objetivo do Jing é facilitar a troca de informações como telas, imagens em vídeo em ferramentas de comunicação instantânea como Skype, MSN Messenger e outros.

Depois que recebi o e-mai, decidi fazer um teste com a ferramenta para verificar como ela funciona. De cara já existe um complicador, para utilizar o Jing no Windows é necessário o .NET Framework, caso você não tenha esse componente instalado tenha paciência! É um download de 41 megas! Dessa vez a TechSmith resolveu lançar o produto para Macs também! Então não é só no problemático Windows que o Jing funciona. Esse é um pedido antigo dos usuários da TechSmith, até hoje suas ferramentas só funcionam na plataforma Windows.

Bem, voltando às primeiras impressões com o Jing, depois de um cansativo longo download o Framework 3.0 está instalado o podemos prosseguir. Tomei o cuidado de reiniciar o computador, depois que o novo Framework foi instalado. Pois quando eu fui executar o Jing, me aparece essa bela imagem:

Jing Techsmith

Pois é, eu também lamento! Depois de um download com 40 megas, receber essa mensagem? A ferramenta ainda está em desenvolvimento, então isso é compreensível. Para que o artigo a viagem não seja perdida, vamos utilizar os dados que a própria TechSmith divulgou sobre o Jing. Segundo o Blog oficial da TechSmith, com o Jing nós poderemos:

  • Capturar imagens
  • Gravar vídeos
  • Editar imagens
  • Fazer o upload de mídia para o Screencast.com

No mesmo blog, ainda existe um vídeo demonstrando o Jing em ação. No vídeo duas pessoas conversam via chat, quando uma delas apresenta uma dúvida sobre um procedimento de configuração no Gmail. A outra pessoa, imediatamente abre o Jing e captura uma tela do Gmail, apontado as configurações corretas e faz o upload rapidamente da imagem para o Screencast. Logo em seguida, um vídeo também é capturado e publicado rapidamente para o Screencast. Depois de assistir a esse vídeo, podemos tirar algumas conclusões sobre o que é esse Jing:

  1. Ele é tipo um híbrido entre o Camtasia Recorder e o Snagit
  2. O Jing se integra ao Desktop de maneira mais fácil
  3. Suas ferramentas de edição são mais simples
  4. Para produção multimídia mais complexa o Snagit e o Camtasia Studio, ainda são imprescindíveis
  5. Aparentemente ele tem uma ferramenta de integração com Blogs, mas não encontrei referencias sobre as plataformas suportadas.
  6. Para utilizar os seus recursos de compartilhamento, uma conta no screencast.com é fundamental.
  7. Pode ser uma boa opção para Blogs que utilizem de muitos vídeos e telas capturadas.

Depois desse vídeo de demonstração e do fiasco na instalação, vai demorar um pouco até que eu tente instalar novamente o Jing. Para aqueles que quiserem tentar e conseguirem, o que acham de compartilhar a sua experiência nos comentários? Para fazer o download do Jing, visite o seu sítio oficial.

Leave a Reply